domingo, 26 de julho de 2009

#Delíryos | Cadelinha inflável


Claro que você já ouviu falar, viu, ou, quiçá - no caso dos homens - já teve tórridos momentos com uma boneca inflável. Tudo bem, foi um momento de carência. Agora chegou a vez dos pobres cãezinhos não castrados deixarem de lado as almofadas, os velhos bichos de pelúcia e, no caso dos mais afoitos, as pernas alheias.

Em breve chegará às vitrines dos pet shops a primeira “cadelinha inflável”. Isso mesmo! A DoggieLoverDoll, lançamento da PetSmiling – que apresentou o mimo na última edição da Pet South América, que aconteceu de 22 a 24 de julho no Transamérica Expo Center, em São Paulo - chegou para mudar o destino cruel dos pobres cães que estavam fadados a serem somente os bilus-bilus de seus donos tão tiranos.

Doggie é feita de borracha e o canal vaginal tem um reservatório onde os abstinentes totós poderão despejar suas “ansiedades” e “latidos desnecessários”. Depois cabe ao dono limpar os resquícios de luxuria do seu cão (nada mais justo). Para o vuco-vuco ficar mais animado e para que a “menina” da cadelinha inflável continue sempre vistosa, o brinquedo traz um lubrificante como brinde. Presente pra cão nenhum querer morder criançinha.

Eu, a torcida corintiana e, principalmente, os caninos ainda somos a favor do método convencional. No entanto, se você prefere deixar seu animalzinho longe das cachorras, pelo menos proporcione essa felicidade ao bicho, como fez Marco Giroto, inventor do brinquedinho sexual e proprietário da PetSmiling. “Tive a idéia de fabricar a boneca quando meu maltês começou a querer pegar a perna de todo mundo. Fui pesquisar sobre o produto para comprar e não encontrei em lugar nenhum do mundo. Resolvi fabricá-lo!”.

Ficou excitado com a novidade? Clique aqui e adquira já a felicidade do seu cão, que, enquanto você lia este post, deu aquela molestadinha básica na sua perna.
Share |

Nenhum comentário:

Postar um comentário